terça-feira, 10 de maio de 2016

Argumento do filme "A abelha e a cerveja"

Estava em Belgrado com o meu amigo Branislav Sremac, a beber cervejas e a apreciar a calma da vida no balcão de sua casa, quando uma vespa enorme fez com que ele fugisse para dentro de casa. O vespão, atraído pelo delicioso sabor da cerveja e vendo o copo do Branislav desprotegido, aproveitou para se apoderar dele e para beber com deleite a cerveja do meu amigo sérvio. Infelizmente não filmei o momento em que o vespão se precipitou para o copo, seria uma bela imagem e eu detesto perder excelentes imagens, contudo ficará para sempre gravada na minha memória. Fiquei bastante chateado com o Branislav e disse-lho, realçando que "nunca, mas nunca devemos deixar as nossas bebidas alcoólicas desprotegidas e que, caso seja necessário devemos protegê-las com a vida." Eu acabei por perdoá-lo quando ele me pediu desculpa. Voltámos a encher os copos e ficou tudo bem.

Agora posso fazer montagens bizarras com as duas vespas que filmei, uma bebendo água do olho de um peixe morto e outra bebendo cerveja de um copo do Partizan de Belgrado.

ти си абдал - Ti si abdal - Tu és um idiota

Todo o sol que não me queima a pele, queima a minha alma

Sem comentários:

Enviar um comentário